você vem sempre por aqui ?!

Seja bem vindo...
Bom dia, ou será Boa tarde, talvez Boa noite.
Esteja a vontade!

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Queria ...

ter mais tempo pra sentar
na grama, na terra, no chão, nas folhas,
debaixo da sombra de uma arvore
ou sentindo o sol bate forte na pele,
so pra ficar olhando pro branco das nuvens
que brincam no azul do céu.


segunda-feira, 18 de abril de 2011

tamanha beleza natural

Espero por ela, como uma criança espera pelo colo da mãe,
acompanho seu crescimento como uma mãe acompanha cada passo do filho,
crio esperanças, expectativa como se fosse final de campeonato,
me inspiro como se estivesse apaixonada,
encho os olhos d'água como quem se enche de alegria ao ver um amigo distante,
estampo sorrisos, como quem recebe uma noticia boa,
Conto os dias, pra chegar a noite em que ela está lá linda, cheia, iluminando o céu e a terra.
E ela vem, pra me dar essa paz, essa energia boa e pra me consolar..
é inevitável não parar e ficar admirando.
Todos os dias, pela janela do meu quarto.

domingo, 17 de abril de 2011

será que faz sentido ?

leve como aquele pano jogado ao vento
livre como aquele ceu azul
bela como a dança, que o pano fazia e mudava o cenário
jogado pro alto, ele dançou, bailou e caiu nas pedras , pisadas por tanta gente,
vermelho como sangue.
Eu quero ser assim, leve,livre,bela,dançante,importante como o sangue,na vida de alguém.
Um dia!


Arriscando.

Um texto escrito, num dia qualquer em que me sentia inspirada,
lembrando de conversas com amigos, espetáculos e vida particular ...
ficou um bom tempo esquecido.
achei rascunhado nas ultimas folhas de um caderno e ele parecia querer sair do papel.. foi  quandotudo começou.
a idéia, as viagens, o convite ao amigo, a piração ...onde, quando, que horas,
figurino,maquiagem...
Somente uma gravação, vamo ve no que vai dá.
uma piração minha apoiada por Yuri Azevedo.
Foi a linha férrea o local escolhido, não tem um motivo específico, eu simplismente gosto de lá ... as marcações foram surgindo, os focos , o texto foi ganhando vida .
sustos, tremores, vontade de sair correndo, medo, desconfiança, perrengue, engolindo seco, respirando devagar, não, na verdade não foi nada fácil gravar naquele lugar, é um tanto sombrio. 
Rolo uma adaptação do texto e esse sim foi gravado por completo, em 3 dias, contamos com a ajuda de um assistente um amigo, Ciro Beluci em 2 dias.
Enfim, foi uma experiência bacana, cada momento gravando, cada idéia, o sensacional making- of.  ...
Esperando a edição pra ver de fato o resultado.
1º dia (14.04) Foto de Ciro Beluci